E se você pudesse escolher um final diferente para suas personagens shakesperianas preferidas?Pegue sua pena, e reescreva a história!
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin
Bem-vindo
Sejam bem-vindos ao Stratford Institute. Depois de uma seleção rigorosa, agora vocês fazem parte da elite estudantil da Europa , estando aptos a enfrentar quaisquer dificuldades didáticas, porém, o que acontecerá será mais dificuldades nas relações do que vocês poderiam imaginar. Preparem-se para o que vai acontecer e....

Bem vindo ao jogo!
Últimos assuntos
» Atenção!!- Fórum temporariamente desativado
Sex Ago 14, 2009 8:47 am por William Shakespeare

» Flood - Let's talk!
Dom Ago 09, 2009 12:44 pm por Beatricce del Vecchio

» First Impressions....[rp aberto]
Sab Ago 08, 2009 1:42 pm por Beatricce del Vecchio

» Duck Duck Duck, Gossed!
Qui Ago 06, 2009 8:14 pm por Holly Pratt

» Personagens Cannons
Qui Ago 06, 2009 6:42 pm por Ian Gregory

» Say your name.
Dom Ago 02, 2009 12:12 pm por Beatricce del Vecchio

» Testando subbies, avatares, signs
Sex Jul 31, 2009 12:17 am por Henry Donnely

» Festa de Boas-Vindas
Seg Jul 27, 2009 9:38 pm por William Shakespeare

» Pedidos de Kit's!
Sex Jul 24, 2009 6:08 pm por Connor Donnely

Navegação

Regras gerais
Trama do Jogo
Dicas Para Iniciantes
Resumo das Obras
Personagens Cannons
Lista de Avatares

Protagonistas
Staff
Parceiros
Compartilhe | 
 

 Resumos das Obras

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
William Shakespeare
Admin


Mensagens: 41
Data de inscrição: 09/07/2009

MensagemAssunto: Resumos das Obras   Qua Jul 15, 2009 7:47 pm

~Resumo das Obras~


Prezado Jogador! Para que o rendimento do jogo seja otimizado, e você possa usufruir desse sistema de jogo, peço para que, leia os resumos a seguir, que servirão para o entendimento das tramas que deram origem aos personagens cannons

° Otelo°

O seu personagem principal, que empresta o nome a obra, é um general mouro que serve o reino de Veneza.Toda história gira em torno da traição e da inveja. Inicia-se com Iago,alferes de Otelo, tramando com Rodrigo uma forma de contar a Brabâncio,rico senador de Veneza, que sua filha, a gentil Desdêmona, tinha se casado com Otelo. Iago queria vingar-se do general Otelo porque ele promoveu Cássio, jovem soldado florentino e grande intermediário nas relações entre Otelo e Desdêmona, ao posto de tenente. Esse ato deixou Iago muito ofendido, uma vez que acreditava que as promoções deveriam ser obtidas "pelos velhos meios em que herdava sempre o segundo o posto doprimeiro"e não por amizades.

Brabâncio, que deixara a filha livre para escolher o marido que mais a agradasse, acreditava que ela escolheria, para seu cônjuge, um homem da classe senatorial ou de semelhante. Ao tomar ciência que sua filha havia fugido para se casar com o Mouro, foi à procura de Otelo mata-lo. No momento em que se encontraram, chegou um comunicado do Doge de Veneza, convocando-os para uma reunião de caráter urgente no senado. Durante a reunião, Brabâncio, sem provas, acusou o Mouro de ter induzido Desdêmona a casar-se com ele por meio de bruxarias. Otelo, que era general do reino de Veneza e gozava da estima e da confiança do Estado por ser leal, muito corajoso e ter atitudes nobres, fez, em sua defesa, um simples relato da sua história de amor que foi confirmado
pela própria Desdêmona. Por isso, e por ser o único capaz de conduzir um exercito no contra-ataque a uma esquadra turca que dirigia-se à ilha de Chipre, Otelo foi inocentado e o casal seguiu para Chipre, em barcos separados, na manhã seguinte.

Durante a viagem uma tempestade separou as embarcações e, devido a isso, Desdêmona chegou primeiro à ilha. Algum tempo depois, Otelo desembarca com a novidade que a guerra tinha acabado porque a esquadra turca fora destruída pela fúria das águas. No entanto, o que o Mouro não sabia é que na ilha ele enfrentaria um inimigo mais fatal do que os turcos.

Em Chipre, Iago que odiava a Otelo e a Cássio, começou a semear a sementes do mal, ou seja, concebeu um terrível plano de vingança que tinha como objetivo arruinar seus inimigos. Hábil e profundo conhecedor da natureza humana, Iago sabia que, de todos os tormentos que afligem a alma, o ciúme é o mais intolerável. Ele sabia que Cássio, entre os amigos de Otelo, era o que mais possuía a sua confiança. Sabia também que devido a sua beleza e eloqüência, qualidades que agradam às mulheres, ele era exatamente o tipo de homem capaz de despertar o ciúme de um homem de idade avançada, como era Otelo, casado com uma jovem e bela mulher.

Por isso, começou a realizar seu plano. Sob pretexto de lealdade e estima ao general, Iago induziu Cássio,responsável por manter a ordem e a paz, a se embriagar e envolver-se em uma briga com Rodrigo, durante uma festa em que os habitantes da ilha ofereceram a Otelo. Quando o mouro soube do acontecido, destituiu Cássio de seu posto.

Nessa mesma noite, Iago começou a jogar Cássio contra Otelo. Ele falava, dissimulando um certo repudio a atitude do general, que a sua decisão tinha sido muito dura e que Cássio deveria pedir a Desdêmona que convencesse Otelo a devolver-lhe o posto de tenente. Cássio, abalado emocionalmente, não se deu conta do plano traçado por Iago e aceitou a sugestão.Dando continuidade a seu plano, Iago insinuou a Otelo que Cássio e sua esposa poderiam estar tendo um caso. Esse plano foi tão bem traçado que Otelo começou a desconfiar de Desdêmona.

Iago sabia que o mouro havia presenteado sua mulher com um velho lenço de linho, o qual tinha herdado de sua mãe. Otelo acreditava que o lenço era encantado e, enquanto Desdêmona o possuísse, a felicidade do casal estaria garantida. Sabendo disso e após ter encontrado o lenço que Desdêmona perdera, Iago disse a Otelo que sua mulher havia presenteado o seu amante com ele. Otelo, já enciumado, pergunta a sua esposa sobre o lenço e ela, ignorando que o lenço estava com Iago, não soube
explicar o que aconteceu com ele. Nesse meio tempo, Iago colocou o lenço dentro do quarto de Cássio para que ele o encontrasse.

Depois, Iago fez com que Otelo se escondesse e ouvisse uma conversa sua com Cássio. Eles falaram sobre Bianca, amante de Cássio, mas como Otelo que só ouviu partes da conversa, ficou com a impressão de que eles estavam falando a respeito de Desdêmona. Um pouco depois Bianca chegou e Cássio deu a ela o lenço que encontrara em seu quarto para que ela providenciasse uma cópia.

As conseqüências disso foram terríveis: primeiro Iago, jurando lealdade a seu general, disse que, para vinga-lo, mataria Cássio, mas sua real intenção era matar Rodrigo e Cássio simultaneamente porque eles poderiam estragar seus planos. No entanto, isso não ocorreu conforme suas intenções, Rodrigo morreu e Cássio ficou apenas ferido. Depois Otelo, totalmente descontrolado, foi a procura de sua esposa acreditando que ela o havia traído e matou-a em seu quarto. Após isso, Emília, esposa de Iago, sabendo que sua senhora fora assassinada revelou a Otelo, Ludovico (parente de Brabâncio) e Montano (governador de Chipre antes de Otelo) que tudo isso foi tramado por seu marido e que Desdêmona jamais fora infiel. Iago matou Emília e fugiu, mas logo foi capturada. Otelo, desesperado por saber que matara sua amada esposa injustamente, apunhalou-se, caindo sobre o corpo de sua mulher e morreu beijando a quem tanto amara.

Ao finalizar a tragédia Cássio passou a ocupar o lugar de Otelo, Iago foi entregue as autoridades para ser julgado e Graciano, uma vez que seu irmão Brabâncio morrera, ficou com os bens do mouro.


° Hamlet°

Hamlet é uma das peças de teatro mais famosas de Shakespeare. Foi escrita entre 1600 e 1602 e impressa pela primeira vez em 1603.

Para Hamlet a existência tornara-se insuportável desde que o espectro do seu pai recentemente morto apareceu-lhe numa noite assombrada no alto da torre do castelo. O fantasma, tétrico, reclamava desforra. Contou ao filho que um crime ignominioso o vitimara. Seu próprio irmão, o rei Cláudio, o matara. Atordoou-se o príncipe. Seu lar abrigava a traição e a maldade! A serpente acoitara-se na sua própria família. O mundo era injusto. O assassino, seu tio, não só usurpara o trono como arrastara sua mãe, a rainha Gertrudes, para um casamento feito às pressas, onde, suprema ignomia, serviram-se ;-os manjares; que, um pouco antes, ainda mal esfriados, tinham sido oferecidos -;na refeição fúnebre. Algo deveria ser feito. Faltava porém a Hamlet o talento para a ação. O máximo que conseguiu de imediato, além de aferrar-se ao luto e ao mau humor, foi entregar-se especulativamente à vingança.

A Mais bem sucedida da História

Hamlet é certamente a mais bem-sucedida história de vingança levada aos palcos. Ela, desde o início, coloca o público ao lado do jovem príncipe porque o ato da vingança, que Francis Bacon definiu como uma - forma selvagem de fazer justiça, sempre seduziu o a todos. Hamlet sente-se pois um reparador de uma injustiça, um homem com uma missão. A ela irá dedicar todos os momentos da sua vida, mesmo que tenha que sacrificar seu amor por Ofélia e ainda ter que tirar a vida de outras pessoas. Talvez seja essa obsessão, essa monomania que toma conta dele desde as primeiras cenas do primeiro ato, que eletrize os espectadores e faça com que eles literalmente bebam todas as palavras do príncipe vingador -; Hamlet é o personagem que mais fala na obra de Shakespeare, recita 1.507 linhas.


Última edição por William Shakespeare em Qui Jul 16, 2009 11:30 am, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
William Shakespeare
Admin


Mensagens: 41
Data de inscrição: 09/07/2009

MensagemAssunto: Re: Resumos das Obras   Qua Jul 15, 2009 7:48 pm

° Muito Barulho Por Nada°

No livro Muito Barulho por Nada, o Príncipe Dom Pedro juntamente com seu irmão o maldoso Don John e seus nobres Claudio e Benedick regressam da guerra para a vila de Messina, prontos para diversão e amor. Claudio ama Hero, a jovem e doce filha do nobre Leonato, mas Benedick por sua vez, detesta Beatrice a sobrinha espirituosa de Leonato que tem uma língua afiadíssima e que odeia Benedick.

Conforme Cláudio e Hero se prepararam para o seu casamento, eles decidem com a ajuda de Don Pedro, enganar Benedick e Beatrice, fazendo com que confessem seu amor um ao outro. O plano funciona bem, até que Don John que tem inveja do poder de seu irmão e de sua afeição por Claudio arma uma cena com um de seus tenentes, onde ele deveria levar uma das aias de Hero, Margaret até a janela da jovem antes do casamento. Don John leva Don Pedro e Claudio para a casa de Leonato, onde eles vêem o encontro da aia com o tenente e estão convencidos de que a mulher na janela é Hero. No dia seguinte, Claudio humilha Hero publicamente no casamento e a rejeita. Ela desmaia e Leonato é persuadido pelo frade a fingir que ela está morta até que a situação seja resolvida.

O insensato vigilante Dogberry gerencia a detenção onde os tenentes de Don John foram presos e confessam toda a verdade. Claudio fica devastado ao saber que matou (humilhou-a em público no dia de seu casamento, era mais ou menos a mesma coisa, morte social) Hero com falsas acusações. Ele implora a Leonato que o puna, e Leonato diz a ele sua punição é para casar com sua outra sobrinha (sem ser Beatrice), que é quase uma cópia da sua falecida filha Hero. Claudio concorda, mas primeiramente passa a noite em luto velando por Hero e declara a todos sua inocência. Don John escapa de Messina.

Na manhã seguinte, Claudio vai se casar em segredo com a misteriosa prima de sua amada Hero, e quando remove o véu descobre que ela é na verdade Hero. Eles ficam muito felizes, mas Beatrice e Benedick quase se separam ao descobrirem que eles foram enganados para que confessassem seus sentimentos um ao outro. No final, quando esta tudo resolvido, Don John é preso e trazido de volta para enfrentar seu castigo, que Benedick e Beatrice se casam .

° Sonhos de Uma Noite de Verão°

A obra de Shakespeare Sonho de Uma Noite de Verão é ambientada na Grécia mítica e conta-nos a história de seres élficos e personagens mitológicos descrevendo a magia e a realidade em uma só dimensão.

Teseu, grande herói grego está para se casar com Hipólita, a rainha das amazonas. Nos dias que antecedem esse grande acontecimento em Atenas, Egeu, um pai aflito busca a orientação de Teseu para forçar sua filha Hérmia a casar-se com o jovem escolhido por ele, Demétrio. Hérmia, como está apaixonada por Lisandro, recusa-se a fazer a vontade do pai e por isso é ameaçada pela morte, conforme a lei ateniense que não dá à mulher direito de escolher o marido e pune com a morte a desobediência. Lisandro então resolve fugir com Hérmia para se casarem longe de Atenas, onde as penas da lei não os alcançarão. Marcam de se encontrarem em um bosque nos arredores de Atenas à noite. Hérmia, que sabe da paixão de sua amiga de infância Helena por Demétrio, resolve contar sobre a fuga para que amiga se anime e tente reconquistar Demétrio. Helena conta para Demétrio para provar-lhe sua fidelidade.

Titânia é a rainha das fadas e habita o bosque. Oberon é o reio dos elfos e esposo de Titânia, porém os dois estão em conflito porque Titânia não quer entregar a Oberon um órfão indiano para lhe servir de pajem. Na mesma noite da fuga, Oberon e Titânia se encontram e disctem no bosque. nessa mesma noite vêm alguns artesão de atenas para ensaiar uma peça de teatro para apresentar no dia do casamento de Teseu. Oberon pede para que Puck, um elfo, que lhe traga a flor do amor perfeito, pois ele quer pingar o sumo dessa flor em Titânia que dorme para que ela, ao acordar, se apaixone pelo primeiro ser que vir. Enquanto isso, Demétrio veio até o bosque interromper a fuga de Hérmia e Lisandro e foi seguido por Helena que declara lhe sempre seu amor.

Puck traz a flor e Oberon pinga sobre os olhos de Titânia e ainda pede a Puck que encontre o casal de atenienses e pingue sobre os olhos do moço o sumo da flor para que ele se apaixone por Helena. Puck ao encontrar os artesãos ensaiando assusta-os e transforma um deles em um monstro, dando-lhe a cabeça de um asno. Quando Titânia acorda, vê aquele monstro com cabeça de asno e se apaixona por ele.

Depois Puck encontra Hérmia e Lisandro dormindo, e pensando que aquele é o ateniense de que Oberon falou, espreme-lhe o sumo nos olhos. Helena chega, vê o casal dormindo, Lisandro acorda e a vê e se apaixona por ela e a segue. Hérmia acorda sozinha e de repente chega Demétrio, que lhe declara seu amor. Oberon percebe que Puck espremeu o sumo no ateniense errado e pede para Puck colocar sobre os olhos de Demétrio que também se apaixona por Helena.

Os dois , Demétrio e Lisandro, ficam brigando pela atenção de Helena que não compreende. Então os casais , cansados, deitam e Puck coloca o sumo sobre os olhos de Lisandro, que vê Hémia ao acordar e volta a se apaixonar por ela. Titânia é convencida por Oberon que está apaixonada por um asno e resolve entregar-lhe o menino indiano para que ele desfaça a magia.Nesse momento chegam ao bosque Teseu, Hipólita e Egeu em busca dos casais.

Ao encontrá-los, Egeu quer a punição de Lisandro pela fuga e que Teseu decrete o casamento de Hérmia com Demétrio, porém Demétrio diz que ama Helena e não quer mais se casar com Hérmia. Então Teseu decide que as núpcias dos casais será no mesmo dia que ele se casará com Hipólita. Oberon e Titânia vão até o palácio de Teseu para abençoar o lugar em que os noivos irão morar. E Puck, que foi o que mais se divertiu com as confusões que ele provocou, diz que tudo aquilo não passou de um sonho de uma noite de verão.

° Romeu e Julieta°

A peça abre numa rua com o desentendimento entre os Montecchios e os Capuletos. O Príncipe de Verona intervém e declara que irá punir com morte as pessoas que colaborarem para mais uma briga de ambas as famílias. Mais tarde, Páris conversa com Capuleto sobre o casamento de sua filha com ele, mas Capuleto está confuso quanto o pedido porque Julieta tem somente treze anos. Capuleto pede para Páris aguardar dois anos e o convida a uma planejada festa de balé que será realizada na casa. A Senhora Capuleto e a Ama de Julieta tentam persuadir a moça a aceitar o cortejo de Páris. Após a briga, Benvólio encontra-se com seu primo Romeu, filho dos Montecchios, e conversa sobre a depressão do moço. Benvólio acaba descobrindo que ela é o resultado de um amor não-correspondido por uma garota chamada Rosalina, uma das sobrinhas do Capuleto. Persuadido por Benvólio e Mercúcio, Romeu atende o convite da festa que acontecerá na casa dos Capuletos em esperança de encontrar-se com Rosalina. Contudo, Romeu apaixona-se perdidamente por Julieta. Após a festa, na famosa "cena da varanda", Romeu pula o muro do pátio dos Capuletos e ouve as declarações de amor de Julieta, apesar de seu ódio pelos Montecchios. Romeu e Julieta decidem se casar.

Com a ajuda de Frei Lourenço - esperançoso da reconciliação das famílias através da união dos dois jovens - eles conseguem se casar secretamente no dia seguinte. Teobaldo, primo de Julieta, sentindo-se ofendido pelo fato de Romeu ter fugido da festa, desafia o moço para um duelo. Romeu, que agora considera Teobaldo seu companheiro, recusa lutar com ele. Mercúcio sente-se incentivado a aceitar o duelo em nome de Romeu por conta de sua "calma submissão, vil e insultuosa".Durante o duelo, Mercúcio é fatalmente ferido e Romeu, irritado com a morte do amigo, prossegue o confronto e mata Tebaldo. O Príncipe decide exilar Romeu de Verona por conta do assassinato salientando que, se ele retornar, terá sua última hora. Capuleto, interpretando erroneamente a dor de Julieta, concorda em casá-la imediatamente com o Conde Páris e ameaça deserdá-la quando ela recusa-se a se tornar a "alegre noiva" de Páris. Quando ela pede, em seguida, o adiantamento do casamento, a mãe lhe rejeita. Quando escurece, Romeu, secretamente, passa toda a noite no quarto de Julieta, onde eles consumam seu casamento.
A Reconciliação dos Montecchios e Capuletos Diante da Morte de Romeu e Julieta, por Frederic Leighton, 1855.

No dia seguinte, Julieta visita Frei Lourenço pedindo-lhe ajuda para escapar do casamento, e o Frei lhe oferece um pequeno frasco, aconselhando: "... bebe seu conteúdo, que pelas veias, logo, há de correr-te humor frio, de efeito entorpecedor, sem que a bater o pulso continue em seu curso normal, parando logo..."O frasco, se ingerido, faz com que a pessoa durma e fique num estado semelhante a morte, em coma por "duas horas e quarenta".Com a morte aparente, os familiares pensarão que a moça está morta e, assim, ela não se casará indesejadamente. Por fim, Lourenço promete que enviará um mensageiro para informar Romeu — ainda em exílio — do plano que irá uni-los e, assim, fazer com que ele retorne para Verona no mesmo momento em que a jovem despertar. Na noite antes do casamento, Julieta toma o remédio e, quando descobrem que ela está "morta", colocam seu corpo na cripta da família.

A mensagem, contudo, termina sendo extraviada e Romeu pensa que Julieta realmente está morta quando o criado Baltasar lhe conta o ocorrido. Amargamente, o protagonista compra um veneno fatal de um boticário que encontra no meio do caminho e dirige-se para a cripta dos Capuletos. Por lá, ele defronta-se com a figura de Páris. Acreditando que Romeu fosse um vândalo, Páris confronta-se contra o desconhecido e, na batalha, o segundo dos dois assassina o outro. Ainda acreditando que sua amada está morta, ele bebe a poção. Julieta acaba acordando e, descobrindo a morte de Romeu, se suicida com o punhal dele, vendo que a poção do moço não possuía mais nenhuma gota. As duas famílias e o Príncipe se encontram na tumba e descobrem os três mortos. Frei Lourenço reconta a história do amor impossível dos jovens para as duas famílias que agora se reconciliam pela morte dos seus filhos. A peça termina com a elegia do Príncipe para os amantes: "Jamais história alguma houve mais dolorosa / Do que a de Julieta e a do seu Romeu."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 

Resumos das Obras

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» [Testar] shvoong -Pago para escrever e fazer resumos
» minhas obras primas!...xD
» The Ecstasy of Gold é uma das maiores obras de arte que “o cinema já ouviu”
» Grandes obras de grandes compositores.
» Aeroporto vazio - Curitiba

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
&&rewritingSHAKESPEARE :: The Stage :: Sobre os Livros, Peças e William Shakespeare-